Skip to content
ESPECIFICALISTAS

ESPECIFICALISTAS

Grupo Específico de Ação Crítica


Os Especificalistas é um projeto que junta grupos de crianças e jovens interessados em descobrir o que é isto de fazer crítica de arte, através do contacto com os mais diversos objetos culturais e artísticos (livros, exposições, espetáculos,…), assim como os seus agentes (equipa técnica, artistas, curadores, entre outros). Conversamos, refletimos, questionamos e criticamos em conjunto – e, no fim, tudo isto é gravado em formato podcast.
Os principais objetivos são dar voz às crianças e trabalhar o pensamento crítico. 

DESCRIÇÃO E OBJETIVOS

Neste grupo, temos a oportunidade de fruir, refletir, escrever, falar, opinar, argumentar, escutar e partilhar o que aprendemos e sentimos. Experimentamos o que é falar para a rádio sobre coisas que os outros não estão a ver e falar para que nos oiçam.
Queremos aqui fomentar o espírito crítico, a argumentação, a observação atenta e a partilha de experiências, sensações e saberes.
Por fim, vamos colocar as nossas reflexões/conclusões em formato de textos que depois se traduzirão em locuções para podcasts, totalmente feitos pelos jovens críticos, que aqui terão a oportunidade de trabalhar a oralidade e a escrita de forma lúdica e com um objetivo concreto.

Uma vez que existe um deserto nesta área no que toca à arte para a infância, sentimos que faz muita falta um lugar onde a crítica aconteça, ainda mais se esta for pensada e elaborada pelo próprio público-alvo. Aqui queremos proporcionar pensamento e conteúdo crítico feito por e para crianças.

O QUE FAZEMOS

Assistimos a espetáculos, vamos a exposições, visitamos património local e outros objetos artísticos –  no fundo, qualquer objeto pode ser alvo de uma crítica de arte!
Também entrevistamos artistas e curadores e depois escrevemos uma crítica que será gravada num podcast para todos poderem ouvir.

Nestas sessões discutimos critérios, descobrimos o que é importante observar e registar, o que mexe connosco, o que nos move enquanto público, o que move o artista para criar… Aqui não nos ficamos pelo “gosto” ou “não gosto”: a ideia é ir mais além, é ver o que está para lá da forma, da imagem ou da superfície.

Conceção e orientação: Susana Alves
Consultoria: Sandy Gageiro
Colaboradoras: Sofia Saldanha e Maribel Sobreira

Os Especificalistas são apoiados pela República Portuguesa – Cultura / Direção-Geral das Artes.